Reitoria São Miguel, em Arcoverde, realiza assembleia e define metas para 2020

Compartilhe:

Aconteceu ontem (01), na Reitoria São Miguel Arcanjo, em Arcoverde, a sua Assembleia de Pastoral, iniciada com a celebração da Santa Missa às 8 horas, presidida pelo Reitor Padre Edson Rodrigues. Após a Missa, cerca de 60 agentes de pastoral, coordenadores e articuladores de movimentos e serviços da Reitoria se reuniram no Centro Pastoral Padre Antonino Whitcghe.

Num primeiro momento, os participantes foram chamados a compreender mais a fundo a importância e o peso de uma assembleia de pastoral no tocante às decisões e encaminhamentos da caminhada da comunidade. O Reitor seguiu contextualizando a presente assembleia com as assembleias da CNBB Nacional, Regional, e ainda com as Assembleias Diocesana e Regional.

Num segundo momento, as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora no Brasil, da CNBB, ocuparam o tempo como tema das reflexões, tendo como pano de fundo a figura da casa construída sobre os quatro pilares: Palavra – Pão – Caridade – Ação Missionária, conforme sugere o documento como nova proposta de caminhada pastoral. Uma avaliação da caminhada também foi feita, procurando ver as luzes e as sombras em 2019.

À tarde, movimentos, pastorais, grupos e serviços se debruçaram sobre a elaboração de seus calendários de atividades, em conformidade com as datas da Diocese e as datas gerais da Reitoria.

Na elaboração do Plano de Pastoral da Reitoria, no tocante à definição das prioridades pastorais, algumas mereceram destaque, tais como:

  • Projeto “Igreja em saída” com evangelização e celebração da Santa Missa sempre às sextas-feiras nas casas e ruas. (Pilar: Ação Missionária)
  • Projeto “Casa Santa Marta”,  de Apoio aos acompanhantes do Hospital Regional” a ser aberta em 2020 como gesto concreto da Campanha da Fraternidade (Pilar: Caridade)
  • Continuidade da Escola de Formação Permanente São João Paulo XXIII para leigos e leigas, todas as quartas-feiras das 19h30 às 21h30. Participação gratuita e aberta aos leigos e leigas da cidade. (Pilar: Palavra)
  • Formação litúrgico-catequética para agentes de pastoral (Pilar: Pão)
  • Pastoral orgânica: maior integração entre grupos e pastorais
  • Implantação das bases da Pastoral da Educação e da Pastoral Universitária

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR​