/
/
Poção e Arcoverde celebram suas padroeiras em setembro

Poção e Arcoverde celebram suas padroeiras em setembro

As paróquias Nossa Senhora das Dores e Nossa Senhora do Livramento, respectivamente nas cidades de Poção e Arcoverde, em setembro têm sempre uma alegria especial. O povo devoto aquece o coração para homenagear as suas padroeiras. Em Poção, os festejos começam primeiro com o novenário em honra da Virgem das Dores, numa festa que tradicionalmente acontece há anos. A partir do dia 6, quarta-feira, a cidade muda sua rotina e ganha mais vida e mais alegria. A festa deste ano tem como lema “Maria, mãe da Igreja, vem até nós e ensina-nos a evangelizar”. Milhares de peregrinos e devotos de Poção concentram-se no dia 15 de setembro, data litúrgica da santa padroeira, para um dia de orações e louvores, culminando com a procissão e a Santa Missa. Os lado cultural é marcado pela quermesse e a apresentação de atrações.

Arcoverde: festa e ano jubilar paroquial

Em Arcoverde, o novenário tem início nas primeiras horas da manhã do dia 14 de setembro, festa da Exaltação da Santa Cruz, quando milhares de fieis sobem o morro rumo ao Cruzeiro da cidade, bem de madrugada, para rezar e venerar o mistério da Redenção. Tradicionalmente, a festa é aberta no dia em 14 e encerrada no dia 23. Este ano, tem um sentido muito especial quando será aberto o Ano Jubilar, visto que em 2019 a paróquia completará 100 anos.

A história de Arcoverde está intimamente ligada à imagem padroeira que chegou àquelas terras em 1865 pelos portugueses, quando ainda era a pequena Fazenda Olho d´Água dos Bredos, vindo depois a se chamar Rio Branco, como povoado e, em 1928, município com o nome do seu filho mais ilustre, Dom Joaquim Cavalcanti Arcoverde, o primeiro Cardeal da América Latina.

PasCom Diocesana

Compartilhar: