/
/
Dom José Luiz lança 2ª Carta Pastoral sobre “presumíveis aparições de Nossa Senhora da Graça”

Dom José Luiz lança 2ª Carta Pastoral sobre “presumíveis aparições de Nossa Senhora da Graça”

Um momento histórico para a Diocese de Pesqueira foi vivenciado no sábado (2) na Aldeia Guarda, em Vila de Cimbres, município de Pesqueira. Dom José Luiz Ferreira Salles, CSsR, bispo diocesano, assinou e fez o lançamento de sua 2ª Carta Pastoral. O tema do documento episcopal é por demais importante. A Igreja Particular de Pesqueira, na voz de seu Pastor, apresentou a sua posição oficial a respeito das “presumíveis aparições de Nossa Senhora da Graça”, título dado à Carta, abordando um tema de grande interesse para o mundo católico.

Importância da Carta para a Igreja

Segundo o Padre Fábio Pereira, Vigário Geral e membro da Comissão Diocesana de investigação e aprofundamento no tema em questão, este momento é por demais importante para toda a Igreja e, em especial, a Diocese de Pesqueira:

“A Igreja é sempre prudente em relação a assuntos ligados a aparições, e assim deve ser. Dom José Luiz constituiu uma comissões para estudos junto a teólogos e historiadores. Depois de um longo período, é chegado o tempo em que a Diocese sentiu a necessidade de  dizer algo sobre as “presumíveis aparições”. Nós estamos escrevendo ao Vaticano, junto com o Bispo Diocesano, uma resposta, mediante a pergunta: O que de fato aconteceu naquele lugar? Depois de 85 anos, a Igreja de Pesqueira vem se pronunciar sobre o fato.

O padre explica que a 2ª Carta Pastoral de Dom José Luiz não vem dar uma resposta definitiva sobre à presumível aparição:

Dom José Luiz, aquele que representa o Magistério da Igreja, o nosso Pastor, nos aponta caminhos e o modo de como devemos acolher esta realidade, com indicações para romarias, peregrinação e dos processos de como deve ocorrer tudo daqui pra frente. Vele lembrar que somente o Bispo Diocesano é que tem a autoridade para falar oficialmente sobre o caso, sem que seja reservada a nenhuma outra pessoa ou instituição expressar juízo sobre o que ali aconteceu.

A cerimônia

O momento acontecido na Aldeia Guarda, no último sábado (2), contou com a presença de diversas representações de segmentos eclesiais tais como o Frei Jociel Gomes, postulador da causa de beatificação de Irmã Adélia; Padre Luiz Alves, provincial dos padres redentoristas no Nordeste; a Irmã Cleonice Aparecida dos Santos, Superiora das Damas Cristãs no Brasil, e do Professor Carlos, membro da Comissão Histórica da causa da Irmã Adélia. Além destes, membros do clero diocesano, de lideranças indígenas, bem fiéis leigos de diversas representações pastorais se fizeram presentes.

Dentro do momento paralitúrgico sob o tema mariano presidido pelo Padre Fábio Lima, deu-se o ponto alto da manhã: o pronunciamento de Dom José Luiz sobre a importância e os conteúdos de de 2ª Carta Pastoral. Ao final, Dom José, com a assinatura da  Carta, tornou o texto oficial entregando-o simbolicamente nas mãos do clero diocesano a partir dos sacerdotes ali presentes.

Ao final da cerimônia, vários presentes usaram da palavra para dizer da importância daquele momento e de seus desdobramentos para a Diocese de Pesqueira e a Igreja como um todo.

Palavra do Bispo

A íntegra da cerimônia, bem como o discurso de Dom José Luiz podem ser vistos no canal do YouTube da Diocese de Pesqueira, no link:

 

Compartilhar: